© 2019 FASHION STUDIO, PORTUGAL

Sobreviver às férias com a dieta LEV

 

Férias são sempre sinónimo de comer muito, fora de horas. Dá-me muito prazer estar entre amigos á volta de uma mesa cheia. E quando se está numa dieta, esta tentação pode arruinar meses de esforço. 

Este ano o meu destino escolhido foi a Costa Rica. Antes de vir, fui à minha consulta, onde o meu nutricionista me passou para a fase 3: ou seja, posso comer carne, ovos, fruta e lacticínios. 

O difícil é encontrar alimentos nos locais que se adaptem a uma dieta controlada, mas até agora consegui dar a volta à situação. 

 

 

Perdi 5 kgs durante quase um mês e meio, e a última coisa que desejo é voltar com peso a mais! Mas também não quero parecer uma anti-social de primeira, pelo que encontrei um equilíbrio, com a ajuda dos suplementos da LEV.

 

 

 

Pequeno almoço: nos hotéis só tinham pão branco, bolos, pastelaria francesa, queijos, salsichas, ovos mexidos e afins. Resolvi comprar um pacote de granola sem açúcar, biológica, que como com leite, e complemento com fruta (que aqui é maravilhosa!!!!!). Preciso de energia as 07h da manhã pois aqui ando mais de 10kms a pé todos os dias, muitas vezes em montanha, e sei que essa energia é gasta nas actividades. 

Ao almoço e jantar nunca comi nem pão, nem arroz, nem batata nem massas. Escolhi sempre legumes, saladas, com carnes ou peixes. Sem sobremesa e só a beber água. Não toquei numa pinga de alcool, ou em bolos. Bebi água, comi fruta, e acho que até agora sobrevivi com prazer!

 

 

Os snacks LEV ajudam após o exercício físico! Para além dos muitos kms que percorremos, fizemos Canopy (arborismo), natação, bicicleta etc. Não temos parado! A Costa Rica é maravilhosa para quem ama a natureza e animais! Se existe paraíso, é aqui! 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

em destaque

A Moda contra a violência doméstica

12/02/2019

1/3
Please reload

Recent Posts
Please reload

procura de Tags