© 2019 FASHION STUDIO, PORTUGAL

A maldita Celulite

 

Lá estava ela, a maldita celulite, a desafiar-me.

Eu, a olhar para ela, desgostosa, a perguntar onde estavam as minhas pernas tonificadas de outrora. Ela, acompanhada pela flacidez, a provar-me que o corpinho dos 20 anos já era... 

Vi mais buracos na minha pele do que na minha esponja de banho, Socorro!!! 

 

Isto foi há 2 meses. Quando vesti o meu fato de banho, para dar um mergulho na piscina,e não gostei. Estou em baixo de forma e a sentir-me péssima, pensei eu. Mas o que fazer? Como combater anos de sedentarismo e a poderosa gravidade que puxa tudo para baixo, pele inclusive? 

Tudo isto aliado à falta de exercício e a uma má circulação, estão reunidos os factores críticos para a celulite se instalar e dar cabo das minhas férias. 

 

Tinha duas opções: ou me embrulhava num páreo, para sempre, ou encontrava resposta para me sentir melhor.

E escolhi a segunda opção por duas razões: a má circulação não é saudável, e esteticamente não me queria sentir tal uma avózinha tapada até as orelhas, com vergonha de mostrar as misérias. 

 

Fui às Clinicas Em Forma, em Telheiras, onde sou também Consultora de Imagem. Confio na equipa e tive a certeza de que teriam solução. 

 

Fiz uma avaliação inicial, com o Dr. António Soares Neto, que verificou primeiro o meu peso, e fez um teste de bioimpedância (A bioimpedância é um exame que analisa a composição corporal, indicando a quantidade aproximada de músculo, osso e gordura).

 

Avaliou as minhas coxas e glúteos. Veredicto: má circulação, nódulos de fibrose, retenção de líquidos e gordura localizada. Uau! 

 

Recomendou-me 10 sessões de Endermologia, intercaladas com 10 sessões de criofrequência (uma de cada por semana). 

 

Na Endermologia, sentimos uma massagem profunda. Vestimos um fato, e uma maquina suga e massaja o nosso tecido adiposo. Permite drenar, activar a circulação e tonificar.

 

 

"A Endermologia trata os tecidos cutâneos e subcutâneos. Adapta-se perfeitamente a qualquer condição e zona corporal e proporciona resultados que supreendem pela sua eficácia, tanto do ponto de vista fisiológico, como estético. Ataca a celulite agindo sobre os tecidos hipodérmicos, estimulando a vascularização e eliminação das toxinas, as trocas intercelulares e mobilizando o "gel conjuntivo" para lhe devolver toda a sua suavidade."

Parece-vos bem?

A máquina é ajustada ao nosso grau de sensibilidade (eu sou muito sensível!). 

 

Na Criofrequência sentimos uma maquina a percorrer a pele com um toque frio. Não ha qualquer tipo de dor. Permite reduzir gorduras localizadas, reafirmar e tonificar. 

 

Terminei o tratamento, e hoje fui à consulta de re-avaliação.

A gordura diminuiu, e a celulite também (Aleluiaaaaa!!!!). Não estou ainda a 100% porque falta-me fazer o meu trabalho de casa: andar pelo menos 40 minutos por dia, beber mais água, e evitar hidrato de carbono ao jantar. 

 

Vou fazer mais 10 sessões (uma por semana) de criofrequência com um manípulo mais pequeno, para alisar agora a pele e remover a celulite que ainda está aqui instalada (a tal rebelde).

 

 

 

 


Se recomendo: muito! É tão importante sentirmos-nos bem na nossa pele. Não procuro a perfeição, mas sei que se não tratasse o problema só se iria agravar. E quanto mais profunda a celulite estiver, mais difícil é desalojá-la. 

 

Se quiserem saber mais, ou cuidar de vós, contactem a clínica. Peçam para falar com a Cristina Vidigal e digam que recomendei os serviços da clínica. Depois contem-me a vossa experiência!

 

 

Site das Clínicas em forma: emforma.pt.

 

Cuidem-se! As Clínicas têm imensos serviços que são aliados das #maioresde40 - nutrição, homeopatia, naturopatia, medicina quântica, teste de intolerância alimentar, entre muitos outros.  

Que não nos falte nada! 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

em destaque

A Moda contra a violência doméstica

12/02/2019

1/3
Please reload

Recent Posts
Please reload

procura de Tags