• Sandrina Francisco

Em busca do vestido perfeito...


Saiu mais um artigo na revista SPOT que partilho convosco.

Não, não é só a noiva que stressa com a escolha o vestido!

Quantas de nós já viveram este drama, de andar em busca do coordenado ideal e de ter suores frios à medida que a data se aproxima? Afinal pode-se levar preto? Os vestidos longos podem ser usados durante o dia? Quando posso usar chapéu?

Escolher o outfit para um casamento pode tornar-se um verdadeiro pesadelo. A maior parte das mulheres gosta de comprar roupa, mas se for sujeita á pressão de uma data tudo se torna mais complicado. Já todas sabemos que há algumas regras às quais temos de obedecer, e neste artigo vamos esclarecê-las para que seja a convidada perfeita!

Pensamos sempre que a solução melhor seria comprarmos um vestido que fosse tão perfeito, que mesmo sem ser em casamento o poderíamos usar no nosso dia-a-dia, depois da festa! Vou dar-lhe alguns exemplos em que isso é possível. Só não funciona com vestidos de noite muito sofisticados.

Para mim, a regra número 1 para estar perfeita é a eterna máxima: menos é mais!

Se o vestido tiver muitos detalhes, os acessórios são mais discretos.

Se o vestido for de uma cor só, e mais simples, há que apostar em acessórios mais vistosos. No entanto, a regra também se aplica aos acessórios: se levar um maxi colar, os brincos e as pulseiras são minúsculos ou desaparecem.

Se preferir brincos grandes, o colar pode ficar em casa!

Antes de ir em busca do vestido certo há que analisar 3 variáveis: horário, local e clima.

O convite costuma responder a estas condicionantes. Pode também indicar dress code e cores recomendadas, e sendo assim só temos de fazer a vontade aos noivos e seguir á risca o pedido! Devemos ter noção do formato do nosso corpo e escolher algo que nos fique bem e que se adeque ao nosso estilo pessoal.

Se for durante o dia, sem um dress code formal, podemos escolher um vestido claro (evitar branco, champagne, bege, marfim e preto), sem brilhos, curto, com cor, rendado, florido ou com um padrão colorido (o padrão leopardo não entra na lista).

As transparências demasiado evidentes, vestidos com grandes decotes ou muito curtos não são os mais adequados! Não se leva roupa sexy nem desportiva para uma cerimónia desta natureza.

Facilmente qualquer um destes vestidos pode ser usados no dia a dia. Basta alterar por exemplo os acessórios e ele ganha uma nova vida. Por exemplo, para a festa pode complementá-lo com acessórios metalizados, e no dia a dia troca-los por acessórios mais sóbrios de cor sólida ou em materiais naturais.

Para ser comprido, deverá ser jovial, colorido ou estampado, leve e fluido.

Se o dress code for mais formal, um vestido de cocktail é o mais indicado, o qual pode complementar com chapéus e luvas (que se retiram para comer ou beber mas que são cada vez menos usadas). Também o pode usar num casamento á noite, mas sem chapéu e luvas.

Se for á noite, já pode usar algo mais sofisticado, mais escuro, com brilho e longo.

Joias vistosas complementam o visual e os saltos altos ficam sempre mais elegantes. Como vai estar de pé muito tempo, não leve sapatos novos nem que sejam desconfortáveis. Não os irá suportar muito tempo e podem magoar-lhe os pés! Em SOS leve sabrinas para trocar mais tarde.

Há que ter em atenção o local e vestir-se em concordância com o mesmo. Não se levam saltos altos para a praia por exemplo. Se a cerimónia for na igreja, e for de ombros a descoberto, leve uma echarpe que para além de lhe dar um ar mais cuidado, a pode também proteger do frio.

O importante é sentir-se bonita e elegante!

#moda #dicas #imagem #styling

43 visualizações
© 2019 FASHION STUDIO, PORTUGAL